AMOR COM...E SEM PALAVRAS

sábado, 26 de fevereiro de 2011

PARA APRENDER A VOAR



Para aprender a voar nos bastava

o começo e o fim

de uma linguagem pessoal,

em que as mãos, impacientes,

despissem a paisagem

e, apenas por um instante,

se tornassem asas.


Graça Pires

Sem comentários:

Enviar um comentário